O Conteúdo move o marketing

Rate this post

O Conteúdo move o marketing

O Conteúdo move o marketing

Desde que eu comecei a trabalhar em comunicação, tenho visto muitos sites“desenhados” com layout atraente e banco de dados estruturado.

Durante algum tempo pude notar que alguns consideram o conteúdo um monte de palavras-chaves relevantes para as atividades da empresa.

Muitas empresas pensam que a concepção de um site com animação e design fantástico é o suficiente para atrair a atenção do visitante e convencê-los a comprar seus produtos. Infelizmente isso não é suficiente.

Se quisermos encontrar uma analogia a estes conceitos, um site atraente é como ter um filho: é fácil de conceber e emocionante, mas o difícil vem quando deve responder às suas necessidades.

E é só o começo, porque nosso filho terá de ser seguido por toda a vida, com perseverança e atenção.

Produzir um website, bonito e bem configurado é uma experiência emocionante, mas não o suficiente.

Você precisa desenvolver um negócio proativo, animado e que esteja sempre em evidência: esta atividade é chamada Marketing de Conteúdo.

Baseia-se principalmente no desenvolvimento de conteúdos através de diferentes ferramentas: Blogs, redes sociais, podcasts, webinars, Fórum.

Ser encontrado no Google

Até ontem, as empresas tinham apenas duas maneiras de atrair a atenção de potenciais clientes: comprar publicidade ou convencer os editores a falar sobre eles em revistas ou jornais. Hoje, a Internet mudou radicalmente as regras.

Os clientes estão lendo blogs, procurando no Google antes de comprar o produto que eles querem, pedem conselhos aos amigos no Facebook.

As atividades para ser encontrado no Google tornaram-se essenciais para as estratégias de conteúdo. Em essência, o segredo para vender mais é criar conteúdo e otimizá-los para que eles apareçam na primeira página dos mecanismos de busca.

Blogs e redes sociais são redes ativas e solidárias

Hoje não é mais necessário perturbar os potenciais clientes com propagandas, panfletos ou interrompê-los em um jantar com um telefonema de um call center. Não é mais o caso de investir muito de seu orçamento.

Os clientes têm que chegar até você de uma maneira fácil e você deve se certificar de que ele chegue até você.

Graças à internet você pode criar conteúdo atraente e indexá-los para que seus clientes potenciais o encontrem quando fizerem uma busca no Google.

Criar conteúdo com quais ferramentas?

Blogs e redes sociais são hoje uma extraordinária oportunidade de interagir com os usuários da Internet, permitindo a difusão constante de conteúdo e interatividade necessária para converter os curiosos em compradores e compradores ocasionais em clientes fiéis.

Interagir com os clientes é abandonar o velho hábito de sempre falar de si mesmo.

Algumas empresas já entenderam e estão coletando novos clientes a partir da web

Eu não sei se você notou, mas os conceitos expressos neste artigo representam uma realidade existente na Web.

Em toda a probabilidade, se não você ainda não adotou as técnicas de marketing de conteúdo, certamente um de seus concorrentes já o fez.

Algumas empresas já começaram a publicar conteúdo de qualidade, um processo de criação de sua própria credibilidade, com o objetivo de construir uma base leal de clientes.

Um exemplo é a Rei Caça Vazamentos, empresa que atua na localização de vazamento de água, a qual após ter inserido o marketing de conteúdo em seu blog, já atraiu um trafego 72% maior em seu web site.

Estas empresas tornaram-se criadoras de conteúdo e estão desenvolvendo conteúdo em um blog, os espalhando através de uma página do Facebook, de um perfil no Twitter ou através de um E-book. Marketing de Conteúdo é uma atividade que lhes permite:

  • Atrair clientes potenciais;
  • Informá-los sobre o que deseja comprar;
  • Responder as suas dúvidas;
  • Construir credibilidade e autoridade;
  • Oferecer-lhes algo que consideram importante;
  • Transformá-los em clientes ativos;
  • Incentivá-los a voltar a comprar novamente.

Algo já mudou

Conteúdo é capaz de despertar o interesse e permite que as empresas se recuperarem em um momento difícil como o que está acontecendo com a economia em geral.

Desenvolver e distribuir conteúdos de qualidade através da web é agora uma vantagem competitiva que uma empresa não pode prescindir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *